Jovens podem pilotar aviões aos 16 anos

PPL

Em apenas 18 meses, os mais juvenis entusiastas da aviação podem concluir um percurso de estudos para voar em modo privado.

Ao longo de um ano e meio, através de um desenvolvimento contínuo, é possível aos sonhadores de aviação concretizar o seu percurso aeronáutico, numa idade ainda jovem. Com apenas 15 anos, os ávidos por voar podem seguir um programa que lhes permitirá obter uma Licença de Piloto Privado de Aviões – PPL e, em resultado, pilotar uma aeronave monomotor sob VFR (Regras de Voo Visual) completamente sozinhos.

Este curso, para a maioria dos participantes, serve como ponte ao seu futuro: Piloto numa Companhia Aérea. Para tal, os estudantes podem, desde que cumpram os requisitos mínimos de acesso, completar os seus conhecimentos através do ATPL(A) Modular. Este último suplementa as habilidades já adquiridas e proporciona uma adaptação ao mundo da aviação comercial. O estudante pode realizar o curso ao seu próprio ritmo e capacidade de investimento conveniente. A execução destes cursos é diferente do curso Piloto de Linha Aérea. Ambos têm dinâmicas distintas, pois o contexto e estratégias divergem, mas o IFA afirma que realizar duas formações desta índole carrega alguns benefícios.

Com o despertar do sonho tão cedo, as preocupações parentais surgem rapidamente. O IFA explica que, os níveis de exigência para obter estes géneros de Licenças são bastante altos. O aspirante a piloto não só tem de efetuar um mínimo de exames na Autoridade Nacional de Aviação Civil, como as aulas teórico-práticas, com cerca de 190 horas totais, garantem uma correta e completa aprendizagem para que, posteriormente, possam ter a responsabilidade de voar sem instrutores.

O compromisso que os jovens detêm perante uma situação com tamanho encargo, demonstra a sua maturidade e permite que sejam acompanhados conforme as suas necessidades. Embora iniciem o curso numa época tão inicial das suas vidas, usualmente, terminam a formação com cerca de 16/17 anos, uma idade não tão diferente da requerida em cursos para Pilotos Comerciais, que obrigam o mínimo de 18 anos de idade ao término dos mesmos.

Começar a voar nunca foi tão fácil! 

Por pura diversão, gosto pessoal ou para no futuro iniciar uma carreira de Piloto, o PPL está disponível a todos os interessados. Apenas necessitam de possuir um diploma de 9º ano ou superior e um Certificado Médico Classe 2. No entanto, como a Licença não tem um propósito profissional, o seu titular só poderá exercer funções em voos não remunerados. Posteriormente, poderão tornar-se instrutores de voo, desde que dentro do mesmo âmbito da sua licença.

Quem apresenta alguma hesitação em optar por este trajeto de ensino, pode efetuar um Voo de Experiência, onde conseguirá estar em contacto com um avião em todas as suas fases. Também pode esclarecer as suas dúvidas junto dos diversos membros da equipa do IFA, quer com responsáveis de logística teórica ou com encarregados pelos voos. Dado ser um trajeto individual, as candidaturas encontram-se abertas todo o ano.